posts com a tag: prática


Não pare

Trechos budistas |

Mesmo que você tenha se dado conta de que a sua mente é o buda, não renuncie ao seu mestre! Mesmo que tenha se dado conta de que as aparências são a mente, não interrompa as raízes de virtude condicionadas! Mesmo que não alimente esperanças pelo estado búdico, honre as Três Jóias sublimes. Mesmo que […]


Servir aos seres e aos Budas

Trechos budistas |

Shantideva (Índia, séc. VII) Os Budas são meus verdadeiros e infalíveis amigos.Não há limites para os benefícios que eles trazem.Como mais eu poderia retribuir sua bondadeSenão fazendo os seres vivos felizes? Ao ajudar os seres, retribuímos àquelesQue sacrificam suas vidas por nós e mergulham no inferno da Dor Incessante.Então se seres me causarem grande mal,Vou […]


Importância do mestre espiritual

Trechos budistas |

O Buda ensinou que é muito importante ter uma boa relação com seu Lama, porque é o professor que te conecta com os ensinamentos. Se não há nenhum Lama, não há nenhum ensinamento. O Lama é particularmente importante na tradição Vajrayana como a primeira das três raízes, a “raiz das bençãos”. Todo o processo da […]


Fim dos planos

Trechos budistas |

Se você seguir o exemplo da maioria das pessoas desta era decadente, terminará sendo exatamente como elas: uma fraude perfeita. Você vai gastar sua vida perseguindo o inalcançável. Será como as crianças que estão tão ocupadas brincando que ficam indiferentes à fome, ao frio e não notam o dia passando; até que escurece, elas subitamente […]


Examinar os ensinamentos

Trechos budistas |

[…] Podemos, também, optar por despertar, em vez de sonhar. Despertar totalmente significa reconhecer a verdade maior, a natureza intrinsecamente pura do corpo, fala e mente. Se quisermos despertar, no entanto, não iremos emergir automaticamente do nosso sono profundo. Precisamos de métodos, e precisamos aplicar esses métodos. Sabedoria, conhecer nossa natureza verdadeira, é o antídoto […]


Quem nossas ofensas ferem

Trechos budistas |

[…] Quando qualquer um de nós está no processo de ofender, difamar ou rebaixar alguma outra pessoa, independentemente das qualidades dessa outra pessoa, com esse mesmo ato ofensivo estamos revelando nossas próprias falhas. Os próprios atos de xingar, desdenhar, falar mal e por aí vai, são maneiras de revelarmos nossos defeitos. Se você apertar uma […]


Compreensão e o Nobre Caminho

Trechos budistas |

Gautama*, agora, viu que compreensão e amor são um. Sem compreensão, não pode haver amor. A disposição de cada pessoa é resultado de condições físicas, emocionais e sociais. Quando compreendemos isto, não podemos mais odiar mesmo alguém que se comporta cruelmente, todavia podemos nos esforçar para ajudar a transformar sua condição física, emocional e social. […]


A prática original dos Budas

Trechos budistas |

Sutra Guirlanda de Flores: Como é a prática de doar alegria dos grandes bodisatvas? Nela, os bodisatvas são doadores generosos, concedendo o que quer que tenham com uma mente imparcial, sem arrependimento, sem esperança de recompensa, sem buscar fama, sem ambição por bens materiais, mas apenas para resgatar e proteger todos os seres vivos, para […]


O que te perturba

Trechos budistas |

[…] A razão para um retiro solitário é se libertar de distúrbios. Mas o que é isso que te perturba? Você se perturba. Então, se você não perturbar a si mesmo, já está pronto. Em outras palavras, a ênfase não está no ambiente, mas no modo como você reage ao ambiente. Nossas mentes ficam agitadas […]


Instruções cruciais

Trechos budistas |

Patrul Rinpoche (Tibete, 1808-1887): Em resumo, agora você tem as liberdades e vantagens da existência humana, encontrou um professor autêntico e recebeu as instruções profundas. Agora você tem a oportunidade de atingir o estado búdico colocando em prática os nove veículos dos ensinamentos. É agora que você pode estabelecer uma estratégia para todas as vidas futuras […]


Preciosidade do nascimento humano

Trechos budistas |

[Medite sobre a preciosidade de uma encarnação humana e do corpo como um recipiente espiritual.] A mente samsárica ordinária vê o corpo humano apenas como um instrumento para perseguir necessidades materiais, sociais e biológicas — todas elas satisfazendo apenas níveis superficiais do espírito, seus efeitos não vão além dos portões da morte. Temos que aprender […]


Autonomia na vida

Trechos budistas |

[…] Se queremos morrer ou não, esse é o nosso destino; e sobre isso não temos nenhum controle. Não podemos controlar como morreremos. Garanto que certamente não tenho tal controle. Não terei controle sobre minha morte, e suspeito ser improvável que vocês terão controle. Chego a essa conclusão baseado em quê? Olhem para nossas vidas […]