Moralidade, concentração e sabedoria






Há três fatores que integram a meditação budista: moralidade, concentração e sabedoria. Esses três fatores crescem juntos assim que sua prática se aprofunda. Cada uma influencia a outra. Então, você cultiva as três juntas, não uma de cada vez.

Quando você tem a sabedoria de realmente compreender uma situação, a compaixão em direção a todas as partes envolvidas é automática. E compaixão significa que você automaticamente evita qualquer pensamento, palavra ou ação que possa trazer dano a você mesmo ou aos outros. Assim, nosso comportamente é automaticamente moral. É apenas quando você não entende as coisas profundamente que você cria problemas. Se você falha em ver as consequências de sua própria ação, você erra grosseiramente.

O amigo que espera se tornar totalmente moral para começar a meditar está esperando por um “então” que nunca virá. Os sábios antigos dizem que ele é como um homem esperando o mar parar para poder mergulhar.

Henepola Gunaratana, em “Mindfulness in Plain English”.
Tricycle’s Daily Dharma, 14 de dezembro, 2006.


comentários