Mérito das ações






Esse diálogo é, provavelmente, o mais famoso da doutrina zen. Bodhidharma encontrou o imperador da dinastia Liang, um devoto budista renomado por sua piedade e caridade, bastante envolvido em patrocinar monastérios e orfanatos.

Wu disse: “Tenho patrocinado templos e autorizado ordenações — qual é meu mérito?”. A resposta de Bodhidharma foi radical: “Absolutamente nenhum mérito”.

Wu vinha fazendo o bem para poder acumular mérito. Bodhidharma cortou as idéias de Wu sobre mérito com o coração de seu ensinamento, o de que a prática não é separada de você: quando sua mente é pura, você vive em um universo puro; quando você é capturado por idéias de ganho e perda, vive em um mundo de ilusão.

Jisho Cary Warner, em “Tricycle: The Buddhist Review, Vol. III”.
Tricycle’s Daily Dharma, 22 de setembro, 2007.


comentários